domingo, 22 de agosto de 2010

Mitologia Grega

Este texto é muito interessante para quem está estudando a mitologia grega!


http://www.salves.com.br/txt_pandora.htm

segunda-feira, 12 de julho de 2010

1º CERB - Correção do questionário sobre o artigo “O faraó menino”.

1º CERB - Correção do questionário sobre o artigo “O faraó menino”.

1. Amon, o Deus solar. Este foi o principal deus, significando que haviam outros deuses, ou seja, no Egito Antigo prevalecia o politeísmo. Nesta religião haviam milhares de sacerdotes e muitos templos. Primeiramente os sacerdotes (religiosos) eram pessoas que cultivavam os campos igual qualquer camponês, mas com o passar dos anos, e principalmente após o reinado de Amenhotep IV (século XIV a.C.), eles ganharam mais importância e poder quando receberam doações de terras.
2. Quando este passou a adorar o deus Aton (o disco solar) e impôs este único deus, que até era obscuro, para todo o Egito. Amenhotep IV também mudou seu nome para Akhenaton, em homenagem ao deus Aton, e fundou uma nova capital Akhetaton, tentando apagar o nome e o culto a Amon.
3. a) O primeiro faraó Narmer, unifica a maior parte do vale do rio Nilo sob seu comando, criando o reino do Egito.
b) É o período em que os faraós constroem grandes obras arquitetônicas, as pirâmides de Quéops, Quéfrem, e Miquerinos, bem como a Esfinge.
c) Cambises, rei dos persas, derrota o exército do faraó.
d) Alexandre , da Macedônia, entra no Egito e é saudado como libertador (neste período o Egito estava sobre o domínio dos persas. Alexandre recebe o título de faraó.
e) Nesta época a rainha Cleópatra, ao lado do seu amante romano (Marco Antônio) tenta virar rainha do Império Romano do Oriente (leste), mas Roma intervém, e o Egito torna-se província de Roma.
4. Para reforçar ainda mais o direito ao trono, já que uma união com a mesma linhagem feminina é sinal de força para os egípcios.
5. Porque o menino Tutacamon era criança, e o vizir, e o general, eram as pessoas mais próximas e de confiança do seu pai Akhenaton.
6. Por que aconselhado pelo vizir e pelo general, para reatar os laços com o povo, que havia sido rompido pelo seu pai, a venerar o deus Amon novamente. Na verdade esta foi uma jogada de interesse por parte dos conselheiros, pois assim quem ganhou poder novamente foram os sacerdotes.
7. Porque seus exércitos contiveram rebeliões na província da Núbia (ao sul) e voltaram a impor ordem na Síria e na Palestina, locais ameaçados pelos Hititas.
8. Hórus era o deus falcão. O faraó era o representante deste deus na terra. Segundo a tradição egípcia, Hórus governava o Egito por meio da pessoa do faraó.
9. Comentar sobre fatos da vida cotidiana do faraó e sua esposa. (p.33 do artigo)
10. Enviou uma proposta para o rei Hitita para que enviasse um de seus filhos para que a desposasse. O rei Hitita enviou um de seus filhos, que misteriosamente foi morto no caminho. A solução encontrada pela viúva foi casar com o vizir, Aye.
11. Pão e cerveja feitos através do processo de fermentação; cosméticos, como maquiagem, perfumes, óleos e hidratantes; peruca, que era usada por causa que os egípcios raspavam o cabelo para evitar piolhos; e bumerangue, usado para a caça de aves.

1º CERB 22-23-24


Correção das 3 perguntas que faltavam sobre o artigo "Babilônia a morada dos deuses".
22. A decadência do Império Neobabilônico se deu no século VI a.C. quando, depois de várias batalhas, o exército foi derrotado pelo rei persa, Ciro.


23. Os babilônios foram os que expandiram suas fronteiras da Mesopotâmia até o Mar Mediterrâneo, inclusive o território da Palestina, que era onde moravam os hebreus. Estes foram levados como escravos para a cidade da Babilônia (episódio que ficou conhecido como Cativeiro da Babilônia). Os persas foram os que dominaram a Babilônia e todo o seu território, mas Ciro libertou os descendentes dos hebreus, que haviam sido escravizados pelo rei Nabucodonosor no século anterior (VII a.C.).


24. No século IV a.C., na época que os persas eram governados por Dario, Alexandre - o Grande – o rei da Macedônia, invadiu a Babilônia (que pertencia aos persas) e foi recebido como um herói pelos babilônios. Quero salientar que o estilo de governo dos persas era deixar os habitantes da região dominada morando no local em troca de impostos, o que percebemos quando lemos no artigo que os babilônios estavam cansados de tantas humilhações, ou seja, de tantos anos de domínios.

1º CERB - COMUNICADO

A correção está em processo de digitação. Ainda não pus aqui! AGUARDEM.

quarta-feira, 7 de julho de 2010

Alaúde

Instrumento que aparece referenciado no texto: Tutacamôn, o faraó menino!

http://www.youtube.com/watch?v=kCbHDT0qGTA&feature=related 

Folclore egípcio - http://www.youtube.com/watch?v=W-nzEHup7vc

quarta-feira, 16 de junho de 2010

CEBR - 8ª série

CEBR - 8ª série -  Imprima e cole no caderno as seguintes questões e responda. 
(corrigiremos dia 23/06)

Questões do capítulo 6
1- O que os pensadores iluministas criticavam?
2- O que os pensadores iluministas desejavam?
3- As ideias iluministas influenciaram quais movimentos?
4- Por que os ideais iluministas foram importantes?
5- Voltaire criticou o quê?
6- Em linhas gerais sobre o que fala o livro "O Contrato Social", de Rosseua?
7- O que defende Montesquieu?
8- O que Diderot e D"Alembert criaram?
9- Explique como governou Pombal, a mando do rei português, no Brasil:
10- Qual o pensamento:
a) fisiocratas:
b) Quesnay:
c) Smith:

Questões do capítulo 7
1- Diferencie manufatura de maquinofatura:
2- Explique como se deu a evolução das máquiinas:
3- O que mudou com a Revolução Industrial?
4- Qual a contribuição de:
a) John Watt:
b) Robert Davison:
c) Thomas Edison:
5- Diferencie burgueses de proletarios:
6- Quais circustâncias foram importantes para que a Revolução Industrial acontecesse?
7- Explique algumas das circustâncias permitiram o pioneirismo inglês:
8- Explique sobre a invenção e o favorecimento do trem:
9- O que mudou com o desenvolvimento da siderurgia?
10- Quais foram as mudanças financeiras causadas pela Revolução Industrial?
11- Quais foram as principais consequencias da Revolução Industrial?

CERB - 5ª série

 Leiam com muita atenção o capítulo que estudamos em aula e façam de tema as questões das páginas 58 e 66.
 Corrigiremos dia 21/06.

Abraço.
Prof. Alexandre,

quarta-feira, 26 de maio de 2010

6ª série CERB - Questionário

6ª série CERB - Questionário

Para responder este questionário, consulte o capítulo 6 do livro. Responder no caderno para dia 02/06:


1- Qual a importância de Quintino Bocaiúva, Saldanha Marinho e Beijamin Constant?
2- O que foi a Convenção de Itu?
3- Por que São Paulo se tornou a província mais rica do Brasil por volta do final do século XIX?
4- Explique a crise entre a Igreja Católica e a monarquia:
5- Explique a crise entre o Exército e a monarquia:
6- Por que Dom Pedro II  foi apelidado de "Pedro Banana"?
7- O que foi o episódio denominado "Baile da Ilha Fiscal"?
8- Quando e como aconteceu a proclamação da República?
9- O que é República?
10- Como foi organizada a República do Brasil?
11- Qual a função do governo da União?
12- Quem foi o primeiro Presidente do Brasil?
13- Quem foi Rui Barbosa?
14- O que foi o Encilhamento?
15- Qual foi o segundo presidente do Brasil? Explique como ele chegou ao poder:

7ª Série CERB - Trechos do Filme 300

Como comentei em aula sobre o filme "300 de Esparta" que fala sobre uma batalha entre Persas e Gregos (Guerra Greco-Pérsicas), resolvi postar uns trechos, fica a critério de quem quiser assitir!

http://www.youtube.com/watch?v=QGGt0xo1ts4

http://www.youtube.com/watch?v=Gqt_gmbKE8g

http://video.google.com/videoplay?docid=723030758952592919#

7ª Série CERB - Questionário

7ª Série CERB - Questionário que deve ser respondido para a aula do dia 31/05:

Para responder deve ser consultado o Capítulo 7 do livro.

1- Explique por que Jerusalém é considerada uma cidade sagrada:
2- Localize os persas assinalando de azul e os fenícios assinalando de vermelho no seguinte mapa:


3- Quem foram os Medos?
4- Qual a importância do rei Ciro?
5- Qual a importância do rei Xêrxes?
6- Qual foi o povo que conquistou os persas? Na época qual era o seu rei?
7- Qual a importância da Estrada Real para os Persas?
8- O Zoroastrismo influenciou qual outra religião? Como podemos perceber isto?
9- Explique a importância do Mar Mediterrâneo para os Fenícios?
10- Qual o nome da principal cidade fenícia por volta de 1400a.C.? Por que era importante?
11- Explique sobre a religião monoteísta dos hebreus:
12- Explique o tempo em que os hebreus eram governados pelos patriarcas:
13- Explique como foi a vida dos hebreus no Egito:
14- Explique o tempo em que os hebreus eram governados pelos patriarcas:  
15- Explique o tempo em que os hebreus eram governados pelos juízes: 
16- Explique o que foi o êxodo:
17- Explique o que foi o cativeiro da babilônia:

quarta-feira, 21 de abril de 2010

6ª CERB - Comentário sobre o quadro das Revoltas Regenciais e as questões dos Cap. 3 e 4.

Os seguintes comentários ajudarão cada aluno pensar sobre o referido assunto e elaborar sua resposta ou analisar o que escrever, a fim de corrigir os questionários propostos.

Estas não são as respostas, mas são explicações que lhes ajudarão a encontrá-las. Quinta estarei na escola, podem me procurar com o livro e o caderno em mãos para tirar mais alguma dúvida.

Quadro:

Ler páginas 23, 24 e 25 do livro.
Cabanagem: Quem lutou contra quem? O que queriam? Reclamavam de quê? Analisando o que eles queriam mudar e o que reclamavam a que conclusão se chega: Algo mudou com o fim do confronto?
Sabinada: Quem lutou contra quem? O que queriam? Reclamavam de quê?Analisando o que eles queriam mudar e o que reclamavam a que conclusão se chega: Algo mudou com o fim do confronto?
Balaiada: Quem lutou contra quem? O que queriam? Reclamavam de quê?Analisando o que eles queriam mudar e o que reclamavam a que conclusão se chega: Algo mudou com o fim do confronto?
Revolução Farroupilha: Quem lutou contra quem? O que queriam? Reclamavam de quê?Analisando o que eles queriam mudar e o que reclamavam a que conclusão se chega: Algo mudou com o fim do confronto?

Capítulo 3

1 - Além do fato do governo de D. Pedro I ter durado de 1822 a 1831 e o de D. Pedro II de 1840 a 1889, o que diferencia os dois períodos é a foram de governo. Como cada um deles governava? Como exerciam o poder? Eles dividiam o poder com outras pessoas?

2 - Por que os praieiro foram a luta? Eles reclamavam de alguma coisa ou de alguém? Queriam mudar o quê lá em Recife? Quais os acontecimentos que mais marcaram nesta revolta? Como terminou? O que aconteceu com os revoltosos? Conseguiram mudar aquilo que estavam propondo? (Ler o item 2 das páginas 30 e 31 do livro)

3 - Quem foi Pedro Ivo Veloso? Onde nasceu? Que profissão ele exercia? Ele lutou pelo quê? (ver quadro p. 32)

4 - Comente sobre a situação do Paraguai antes da Guerra. O que eles almejavam (queriam) para melhorar a situação do país? (ler 1º, 2º e 3º parágrafos da coluna da direita da página 32 do livro)

5 - O Brasil tinha que interesses na região próxima ao Paraguai. Quais eram estes interesses? De que forma o Paraguai ameaçava a Inglaterra? (ler o 4º parágrafo da p. 32)

6 - Ler o intem " Grande Tragédia" na página 32 do livro e elaborar uma resposta a partir dos parágrafos 3º, 4º, 5º e 6º)

7 - Depois de ler tudo que está no livro sobre a Guerra do Paraguai, faça um comentário pessoal sobre o assunto como se você estivesse contando e resumidamente para alguém que lhe perguntou "O que foi a Guerra do Paraguai? O que aconteceu? Muita gente morreu? Quem foram os culpados? Como ficaram as pessoas depois da Guerra?".

Capítulo 4 

1 - ler 4º e 5º parágrafos da página 39 tendo como base as mudanças ocorridas no Brasil com a produção cafeeira. Em que eles não concordavam com o governo do D. Pedro II?

2 - Pressão interna: 1º parágrafo da página  40. Pressão externa: Pressão da Inglaterra. Por que a Inglaterra pressionava? 3º parágrafo e 3 item do 6º parágrafo da página 40.

3 - Citar 4 fatores após ler o 4º, o 5º e o 6º parágrafos da página 40.

4 - Ler o 1º parágrafo do item 3 página da 41. Ao ler todo o item 3 comentar sobre o Sudeste: a respeito da vinda dos imigrantes para trabalhar nas fazendas de Café e nas fábricas. E no Sul?  ler na página 42 o item "os imigrantes no Sul".

5 - Ler o 5º, o 6º e o 7º parágrafos do item 4 da página 43.

6 - Lei do Ventre Livre: 1º parágrafo da página  44. Lei dos Sexagenários: 3º parágrafo da página 44. Lei Áurea: 1º parágrafo do item 5, da página 44.

7 - Ler o 2º parágrafo do item 5 da página 44.

21/04 - FERIADO


Hoje é feriado de Tiradentes: Joaquim José da Silva Xavier. Este feriado possui este homem como expiador; aquele que sofreu e foi morto (enforcado ) em praça pública por ser membro de um grupo de conspiradores republicanos durante a Inconfidência Mineira (1789), quando o Brasil era colônia de Portugal. Para a metrópole os revoltosos eram inconfidentes (traidores), mas para a colônia eram representantes que lutavam contra a exploração do rei português. Esta data ficou como marca da luta pela independência republicana, que na verdade somente aconteceu em 1889.

Veja alguns sites:
http://www.vidaslusofonas.pt/tiradentes.htm

http://www.asminasgerais.com.br/?item=ALBUM&codAlbum=126

http://abrindogavetas1.blogspot.com/2008/04/o-movimento-republicano.html

2010 - 50 anos de Brasília

Neste ano a capital do nosso país celebra 50 anos anos de aniversário.

Sugiro 2 links abaixo para que vocês possam visitar:

http://www.clicrbs.com.br/zerohora/swf/especial_Brasilia50anos/index.html

http://www.brasilia50anos.com.br/

domingo, 18 de abril de 2010

AVISO

AVISO:

Alunos do Colégio Dom Hermeto !!!

Para acessar os conteúdos exclusivos de história acesse com login e senha do Portal o blog:
HISTÓRIA NA PONTA DA LÍNGUA DOM HERMETO clicando no link abaixo:

 
http://blog1.educacional.com.br/historianapontadalinguadh

sábado, 17 de abril de 2010

DH - História no Portal da Escola


Aluno do Colégio Dom Hermeto, participe do blog no Portal

acesse com seu login e senha o link

http://blog1.educacional.com.br/historianapontadalinguadh

http://blog1.educacional.com.br/historianapontadalinguadh

Lá você terá acesso aos link dos FORUNS DE HISTÓRIA de cada turma, além de conteúdos exclusivos.

quinta-feira, 15 de abril de 2010

2º DH - Questões sobre Reforma e Contra Reforma, e Civilizações nativas americanas

2º DH - Questões sobre Reforma e Contra Reforma, e Civilizações nativas americanas.


TRAZER RESPONDIDO NO CADERNO NA AULA DO DIA 22/04/2010

1. Explique como se originou o Cristianismo. (p.96)
2. Explique onde e como se originou a Igreja Católica como religião oficial de um território: (p.96)
3. Explique a situação da Igreja Católica Romana durante a Idade Média. (p.140)

 Questionário: CAP. 15
4. Explique o que significa o termo "Protestantismo".
5. Explique o que significa o termo "Contra-Reforma".
6. O que foi o Tribunal do Santo Ofício?
7. Quais foram as críticas de:
a) John Wycliffe:
b) Jan Huss:
8. Explique de que forma que forma que a Reforma recebeu contribuição dos seguintes acontecimentos:
a) Renascimento:
b) Formação das Monarquias Nacionais:
9. Quem foi Martinho Lutero? Onde e quando viveu?
10. Exponha a situação do Sacro Império Romano Germânico no contexto em que aconteceu a Reforma:
11. Explique o que são as 95 teses de Lutero.
12. O que foi a Dieta de Worms:
13. Faça um quadro sobre o Protestantismo, o Calvinismo e o Anglicanismo no qual deve constar: Local, líder, resumo de sua doutrina.
14. Explique o que foi a Paz de Augsburg:
15. Explique o que foi o Concílio de Trento:
16. O que foi o Index?
17. Qual o papel do Tribunal do Santo Ofício?
18. Por que foi criada a Companhia de Jesus?
19. Explique de que forma a Reforma contribuiu decisivamente para romper a ordem feudal:


  Questionário: CAP. 16
1. Diferencie sociedade de coletores e caçadores, de grandes sociedades agrícolas:
2. Faça um quadro analítico dos Sioux, Tupis-Guaranis, Incas, Maias e Astecas constando as seguintes categorias: Sociedade, Política, Economia, Religião e Educação.

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

A luta pela democracia na China

A luta pela democracia na China
Jornalista faz referência ao massacre que aconteceu na Praça da Paz Celestial.